"Governo não manda no Enem", diz presidente do Inep

O presidente afirmou que, ao assumir o Governo, não permitirá a inclusão de determinadas questões no exame.

Em entrevista ao jornal El País publicada na última sexta-feira (9), a presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), órgão responsável pela realização do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), Maria Inês Fini afirmou que "não é o Governo que manda na prova”, em resposta ao novo presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL). Ele disse que, ao assumir o governo, não permitirá a inclusão de determinadas questões na prova. Segundo a presidente, a elaboração das questões é de responsabilidade exclusiva da área técnica, com a colaboração de educadores e professores universitários de todas as regiões do país.

Maria Inês Fini foi cotada para ser ministra da educação no Governo de Bolsonaro, mas explica que o Inep é alinhado com o Ministério da Educação, e a prova é de responsabilidade total do instituto, o que reserva a ele autonomia para elaborar as questões sem intervenção direta do Governo. Ela garantiu que não houve, na prova, qualquer perspectiva de doutrinação e de valorização de uma posição em detrimento de outra. A presidente ainda disse que a prova é uma oportunidade para que os jovens brasileiros possam interagir com autores diferentes.
 

Fonte: ORM

 

Mangue FM

Rádio Mangue FM - 88,9 Mhz. Uma emissora da SBC Radiodifusão LTDA. Localizada no município de Curuçá, nordeste paraense.

Últimas